terça-feira, 30 de setembro de 2014




Hoje vi um ser transportando um cavalo.

- roberta laíne.
Tenho medo desse medo durar 365 dias.

- roberta laíne.
Saudades de um traço 

-

-roberta laíne. 
Me desculpa ter te perdido, 
é que eu me perdi também.

- roberta l.
Infelizmente eu não me sinto bem ao meu lado, e mais infelizmente ainda é o fato de eu não poder exigir que alguém, em algum pedaço desse planeta, se sinta.

- roberta laíne.

sábado, 27 de setembro de 2014

Me olhei no espelho e observei meus olhos, 
Olhei-os profundamente.
Eles emanavam uma tristeza tão profunda, mais tão profunda que fechei-os, e, tudo o que eu queria naquele momento era nunca ter tido ideia do reflexo que aquele espelho denunciava sobre meu sofrimento,
desculpe-me, eu quis dizer sobre meus olhos...

Desoladamente,

- roberta laíne. 

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

De trapos

Não sinto fome, 
Não sinto sede,
Não sinto sono, 
Nem medo sinto mais,
A não ser, as dores do meu surrado corpo.

-roberta laíne. 
Sinto meu corpo morrer a cada batida errada que meu peito abarca e a cada respiração forçada que meus pulmões tristemente aguentam.

-roberta laíne.

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Sou


Sou um pedaço do nada misturado de vazio,
Sou a inquietude e a volubilidade
Sou teu pior sonho e a mais triste realidade.

Sou a desordem e o caos,
Sou a discórdia e o mal
Sou a mais triste melodia, tanto da noite quanto do dia.

Sou a incapacidade e o fracasso,
Sou quem te tira o sono e a alegria
Não sou sorriso, sou pura melancolia.

- roberta laíne.

terça-feira, 23 de setembro de 2014




Às vezes estou tão perdida, mais tão perdida que me encontro...

- roberta laíne.

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Eu meio que acredito sabe? Acredito nessa coisa de que quando a gente vira gente grande, com um tiquinho também grande de esforço, se tem um emprego legal, e se tem uma casa pequenina, porém confortável, com quadros de Tarsila do Amaral. 
E Se tem dois cachorros e um gato, todos os três vira-latas, e se tem uma casa na árvore no quintal, porque se tem dois ou três filhos, porque também se tem alguém. E esse alguém é meio que um pedaço do todo do outro lado de ti, te completa como o olho esquerdo alinha o direito, te apoia como a perna direita ajusta a esquerda, e te faz companhia todas as noites em noites, e se chove e faz frio se tem filme e pipoca, ou historinhas de terror com os dois ou três filhos, ao lado dos dois cachorros e do gato que estão morrendo de medo do trovão que brada no cair da noite de chuva, e se tem depois céu estrelado,
 Se tem filhos dormindo, cada qual em seu quarto, e os dois cachorros e o gato procurando no sofá da sala o seu lugar mais confortável e favorito, e se tem alguém, aquele alguém, que após você rezar um pai nosso, 
desligar o abajur, 
dá um beijo no rosto 
deseja boa noite, 
e diz, 
eu te amo.

sempre contigo,

b

-roberta laíne.

Um sorriso,
6 letras,
1 amor,
2 vidas.

Sempre contigo,

b

- roberta laíne.

segunda-feira, 15 de setembro de 2014


Eu a amo,
Amo assim meio devagar com pressa
Meio torto, reto, sem linha certa.
Amo meio todo todo meio na medida incerta
Amo assim desse jeito, amor de verão a verão com cara de inverno, mas sempre primavera.

Sempre contigo 

b,

-roberta laíne.

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Essas crises doem,
Doem no corpo 
Doem na alma
Doem na fala
A gente meio que fica todo dolorido
E perde,
Perde o sono
Perde a segurança
Perde o equilíbrio. 
Perde muito,
Perde tudo,
Ego?
 Eu já nem tenho mais.

-roberta laíne. 

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Às vezes eu me sinto tão sozinha mais tão sozinha que parece até que a solidão mora aqui perto de casa, as vezes acho que ela mora mesmo é em minha casa, na da vizinha, na vizinha da frente, na vila perto de minha casa, na casa dos altos da rua principal,  no comércio do centro, na farmácia da esquina, no mercado do seu Pedro, na floricultura da Maria e na porta do meu mundo, da minha vida.

-roberta laíne.

Don't go

Eu não gosto quando ela se despede de mim, eu não sei muito bem o porquê de eu não gostar, mas imagino que esteja associado a sensação que sinto, a sensação? Sabe uma avalanche caindo? Um oceano em dia de fúria? Uma tarde de chuva torrencial? Uma cratera se abrindo? Um abismo se formando? O fogo quente da larva se um vulcão?
Bem, é.  É tipo isso.

Não vá.

- roberta laíne.

domingo, 7 de setembro de 2014

Obrigada pai por ela, 
Obrigada pai por ser ela,
Obrigada pai por me presentear com ela
Obrigada pai por cuidar da vida dela
Obrigada pai pela mãe que gerou ela
Obrigada pai pelo teto que deste pra ela
Obrigada pai pela luz que só tu pai pôs nela
E obrigada pai por que agora eu sei 

É ELA.

- roberta laíne. 

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Saudade, 
nunca deveria poder ser escrita no singular, e, mesmo no plural, não deveria comportar só 8 letras ...

-roberta laíne. 
Eu tenho dificuldades: de viver.

-roberta laíne

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

De fato, nunca fui saudável para ninguém, nem para mim mesma...

- roberta laíne.