sábado, 26 de novembro de 2011

Uma carta para meu amor ..

Sabe amor, todos os dias fico a me perguntar. Quantas vezes ele te ligou ontem? E hoje? Quantas vezes ele apareceu por aí? Te chamou pra sair? Quantos meses ele não vem causando minha insônia sem ao menos me conhecer? Quantas vezes pedi pra você escolher entre mim e ele e ele veio como escolha mais uma vez. Certo que o ditado diz nunca troque um amigo por uma amor, mas você ainda não percebeu que essa amizade está me acabando? Ainda não percebeu o mal que ele me faz e você deixando acontecer? Acho que você não sabe né amor? Mas eu me sinto um lixo, me sinto trocada, me sinto um pedaço vago no meio do nada, me sinto insuficiente ou menor que ele que tem o dom de estar por perto de ti e te ligar a hora que bem entender, e tudo que eu queria amor era apenas que você ao menos tentasse me entender, ou se pusesse de verdade em meu lugar, verias que não é fácil tudo que tenho que entender ou aceitar. Não sabes amor como é chato olhar para todos os lados e pessoas e só enxergar você. Não sabes como dói ver um filho e imaginar que seria meu e seu, mas lembro-me de que você não está mais aqui, e que talvez seu filho não seja meu. Não sabes como queria acordar todas as manhãs e a primeira pessoa que pudesse vislumbrar seria você. Não sabes como amo teu cheiro, teus cabelos, e tuas mãos que eu sempre falava que eram nem grande nem pequeninas, porém o tempo está correndo amor, e está nos pondo de lados tão oposto que me assombra os pesadelos que tenho que sempre dizem que você não vai mais voltar, e não, não me venha com aquela história de que se é assim é porque tem que ser assim, seu conformismo me machuca tanto, mas fique a vontade para se conformar, pois irei voar em meus pensamentos, quebrar os muros que estiverem em minha frente e ir embora sem destino para um caminho que eu também não sei o nome, era pra lá que queria te levar, mas terei que te deixar aqui, infelizmente terei que ir sem você, afinal ninguém me compreende não é mesmo? ninguém me compreenderia, mas fique com a boa notícia que te levarei em minhas memórias e em meu coração, lembra quando você me perguntava por quanto tempo eu achava que iria te amar? e eu sorria e dizia que para sempre seria e você fazia cara de boba? Continue fazendo, pois meu sentimento está se encaminhando em rumo ao para sempre, mesmo todo mundo insistindo em dizer que o para sempre, sempre acaba. eu amo você para sempre.

you?
Best Thing I Never Had.

- roberta laíne. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário