quarta-feira, 25 de janeiro de 2012


É, as pessoas sempre vão dar um jeito de me verem assim, estranha, diferente, extravagante .. Sei lá tipo, eu acho até legal sabe? Sempre tive uma certa aversão a esse padrãozinho meia tigela, sei lá, regras e mais regras, isso me dar sono, gosto de ficar alternando sempre sabe? De hoje por um alargador e assustar minha família e depois de dois dias tirá-lo, no auge de uma paixão fazer uma tatuagem e casar-me com outra pessoa, sair numa tarde nublada e sujar-me toda e amar tal situação, ou quem sabe talvez trocar uma tarde vendo o sol-se-pôr a ir fazer compras ou ficar preso em um produto capitalista tipo tv, alienação.
Esse negócio que pobre sempre morrerá pobre, que o gay sempre vai ter aids, que puta não tem objetivos, brancos superiores a negros e que escutar blues é coisa de intelectual, sei não hein? Isso não funciona comigo, essa mania de taxar indivíduos pela a aparência e conta bancária é mais cruel que Hitler contra judeus, negócio feio hein sociedade que vocês estão caindo? E sabe, vou indo, pois acho que ando falando demais, vou ler meus livros, pois tarefa árdua é essa viu de tentar curar a cegueira de muita gente alienada.

-rl.

Nenhum comentário:

Postar um comentário