terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Bem,
Agora estou bem,
Depois de desejar que pela tua face escorresse sangue, e te socar até você se comprimir a nada. Depois de banhar meu almoço, o banho, o chá, o leite, as xícaras e meu livro de lágrimas.
Bem, eu estou bem, estou bem para deixar meu último escrito sobre isso; pois no meu peito a história já fechou-se, minha alma pôs a aquietar-se agora a noite, e meus escritos hão de finalizar-se por aqui. Que Deus te proteja,

Obrigada por nada

-roberta laíne.

Nenhum comentário:

Postar um comentário